COMUNICAÇÃO SOCIAL

Cofina/Media Capital: Autoridade da Concorrência não se vai opor ao negócio

12 de dezembro – O Dinheiro Vivo assegurou, a 11 de dezembro, que a Autoridade da Concorrência (AdC) já havia elaborado o projeto de decisão relativo à compra da Media Capital pela Cofina, no qual consta que “o conselho de administração da Autoridade da Concorrência (…) propõe-se adotar uma decisão de não oposição à presente operação de concentração”. Segundo o Público, a informação foi, entretanto, confirmada à Lusa por fonte oficial da AdC e ao semanário Sol foi confirmado que a reguladora “ainda este mês emitirá o parecer definitivo e vinculativo”.

O Dinheiro Vivo avança ainda que as partes interessadas no negócio, que deverá rondar os 225 milhões de euros, estão a ser notificadas pela reguladora, dispondo depois de 10 dias úteis para se pronunciarem sobre o parecer.  De acordo com o projeto referido, citado pelo Dinheiro Vivo, a operação “não é suscetível de criar entraves significativos à concorrência efetiva nos mercados identificados como relevantes”. Após os pareceres positivos da ERC e da Anacom, a Cofina tem agora o caminho até à compra da dona da TVI e da Rádio Comercial, entre outros órgãos, desimpedido por completo.

Artigo de Márcio Paiva, Researcher Trainee, Cision

TVI: profissionais da estação ameaçam fazer greve

12 de dezembro – A não atribuição dos habituais cartões de Natal, no valor de 125 euros, é apontada como justificação do pré-aviso de greve dos trabalhadores da TVI, anunciada a 12 de dezembro e marcada para 18 do mesmo mês. No entanto, esta é apenas “uma pequena fatia” das reivindicações dos profissionais, a que se juntam, segundo os mesmos, a promessa de “um justo modelo de carreiras”, “o fim dos contratos externos e precários” e “aumentos salariais dignos”.

A disponibilidade da empresa para negociar havia adiado o avanço de protestos, estando os trabalhadores predispostos a voltar às negociações.

Artigo de Márcio Paiva, Researcher Trainee, Cision

Lusa equaciona reduzir cobertura noticiosa

11 de dezembro – Nicolau Santos, presidente do Conselho de Administração da Lusa, assume que reduzir a cobertura noticiosa está na equação da agência para “cortar custos” e “diminuir encargos”. Na comissão parlamentar de Cultura e Comunicação, o administrador da agência noticiosa asseverou que esta se encontra “numa situação dramática devido aos encargos” impostos, nomeadamente a integração de 23 precários e a resolução das não avaliações na agência (entre 2011 e 2019), sem que para isso a agência tenha recebido mais dinheiro, tendo o seu orçamento para 2019 cifrado em 12,8 milhões de euros.

Artigo de Márcio Paiva, Researcher Trainee, Cision

Episódio do podcast P24, do Público, laureado com Prémio de Jornalismo EEA Grants

10 de dezembro – Realizado por Ruben Martins e Magda Cruz e lançado a 12 de setembro de 2019, um episódio do P24 arrecadou o Prémio de Jornalismo EEA Grants, na categoria de rádio. O episódio em causa contou a história de Susana Lucas, uma professora que se dedica a projetos ambientais, e valeu a Ruben e a Magda o prémio que procura reconhecer trabalhos jornalísticos que abordem o mecanismo financeiro do Espaço Económico Europeu.

Artigo de Márcio Paiva, Researcher Trainee, Cision

Ameaça de greve dos trabalhadores da TSF não se materializa para já

10 de dezembro – A reestruturação da Global Media e a possibilidade de despedimentos subsequentes levou os trabalhadores da TSF, rádio detida pelo grupo em questão, a ameaçar fazer greve caso não obtivessem esclarecimentos da direção do grupo sobre o processo. Porém, no dia 9 de dezembro, após plenário, foi comunicado pelos trabalhadores da TSF que estes “decidiram não avançar, neste momento, para uma greve, não excluindo essa possibilidade no futuro”. O motivo apontado é a consciência de não querer agravar “a situação delicada do Global Media Group (GMG) que já foi reconhecida publicamente pelos acionistas”, referem em comunicado.

No entanto, continua a ser ponto de honra obter esclarecimentos da direção do grupo. Paralelamente, os profissionais da rádio notícias vão pedir audiências a Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República, e a Nuno Artur Silva, secretário de estado do Cinema, Audiovisual e Media, conta a agência Lusa.

Artigo de Márcio Paiva, Researcher Trainee, Cision

MEIOS

#Womanize é a mais recente plataforma de streaming de conteúdos direcionada às mulheres

12 de dezembro – A startup Infinity, em parceria com o site MAGG, lançou a 11 de dezembro o canal digital #Womanize. A plataforma está dividida por categorias e programas e aborda temáticas como estilo, beleza, saúde, viagens, família ou lifestyle. Aliada à oferta de conteúdos audiovisuais, o projeto liderado por Pedro Costa apresenta ainda uma loja digital com “produtos exclusivos a preços especiais”, que podem ser adquiridos durante o visionamento dos vídeos, carregando na imagem.

Pedro Costa, que lançou canais como a SIC Mulher ou a SIC Radical, pretende que o canal digital que dirige seja “uma plataforma onde as mulheres se reveem (…), oferecendo-lhes informação, entretenimento e oportunidades para usarem sempre que quiserem”.

Artigo de Márcio Paiva, Researcher Trainee, Cision

INFLUENCIADORES

Duas jornalistas portuguesas no Luxemburgo laureadas pela Amnistia Internacional

10 de dezembro – Paula Telo Alves e Sibila Lind integram a redação do semanário luxemburguês Contacto e venceram o prémio de jornalismo Amnistia Internacional de 2019, com a reportagem “A queda de Claude: da vida de luxo a trabalhador sem-abrigo”. A reportagem multimédia retrata a situação genérica dos sem-abrigo no Luxemburgo partindo do caso concreto de um luxemburguês de 59 anos que trabalhou como bancário, auferindo mais de oito mil euros por mês, e que se tornou sem-abrigo por problemas de alcoolismo. O prémio em questão visa enaltecer trabalhos jornalísticos nos quais os direitos humanos sejam tema central.

Artigo de Márcio Paiva, Researcher Trainee, Cision

BASE DE DADOS CISIONPOINT – DATABASE 

Total de Meios e Influenciadores 18 950
Meios 5 912
Influenciadores 13 038
Meios monitorizados para Clipping e Análise 2 455
Registos unívocos atualizados na semana 947
Total de atualizações da semana 3 943

About Ana Faustino

Research Team Leader da Cision Portugal, coordena o departamento responsável pela recolha de dados sobre Influenciadores (meios de comunicação social, autores - produtores de conteúdos editoriais - e influenciadores digitais). É, ainda, responsável pelo relatório anual do Panorama dos Media.
Licenciada em Comunicação Social, trabalha em media intelligence, desde 2015.
Gosta de novos desafios, aprender novos programas, funcionalidades, idiomas e trabalhar em novos projetos.
Dança, música, literatura e viagens são a forma favorita de passar o tempo livre.