Em nota interna enviada no final de quinta-feira, dia 20 de agosto de 2020, aos colaboradores do grupo que detém o Diário de Notícias (DN), Jornal de Notícias (JN) e TSF, entre outros títulos, Daniel Proença de Carvalho comunicou o fim do seu mandato enquanto presidente do Conselho de Administração do grupo Global Media (GMG).

Segundo o advogado, que já tinha comunicado aos acionistas a sua decisão a 11 de maio, “após dois mandatos muito exigentes e aproximando-se a data da eleição para um novo mandato, venho manifestar-vos a minha indisponibilidade para continuar a exercer qualquer cargo na vossa empresa”. Proença de Carvalho acrescenta ainda: “Como sabem, tomei no ano passado a decisão de pôr termo à minha atividade profissional e logo então também decidi terminar a minha presença na administração da Global Media, por duas ordens de razões: a idade e a vontade de me dedicar a alguns projetos pessoais. Não quis então renunciar ao cargo no grupo, tendo em conta o processo de profunda reestruturação que temos em curso, processo para cuja superação dei o melhor do meu esforço. Mas agora que o meu mandato termina, nada justificava que aceitasse prolongá-lo”.

Daniel Proença de Carvalho nasceu a 15 de setembro de 1941. Licenciou-se em Direito, na Universidade de Coimbra, em 1965. Foi Presidente do Conselho de Administração da Controlinveste e como advogado, participou em vários processos mediáticos da justiça portuguesa. Fundou a Proença de Carvalho & Associados que viria a fundir-se com a grande sociedade espanhola, Uría Menéndez, que deu lugar à Uría Menéndez – Proença de Carvalho, com sede em Lisboa, da qual é presidente do Conselho de Administração.

José Pedro Soeiro, administrador não executivo e acionista que detém 24,5% da GMG, é o senhor que se segue e vai assumir a presidência do grupo até à eleição de novo Conselho de Administração. Empresário e gestor com participação em empresas portuguesas, angolanas e do Reino Unido, é pós-graduado pelas escolas de gestão do IESE, Wharton e CEIBS de Shangai. Iniciou a sua carreira profissional na consultoria, especializando-se na criação e reestruturação de empresas e foi sócio da consultora Deloitte até 2006.

A atual composição acionista da Global Media é: KNJ Global Holdings Limited (35,25%), José Pedro Carvalho Reis Soeiro (24,5%), Olivemedia (19,25%), Novo Banco (10,5%) e Grandes Notícias (10,5%).

About Lúcia Pereira

Licenciada em Relações Internacionais, entrei para a Cision (então Memorandum) em fevereiro de 1998 para realizar um estágio profissional. Entre 1998 e 2009 desempenhei funções sobretudo na área do clipping e edição de texto (Departamento de Produção). Em 2009 fui convidada a ingressar no Departamento de Research e assim responder a um novo desafio e função na empresa - a de Media Researcher.
No meu tempo livre gosto de ir à praia, de caminhar e de séries cómicas, sobretudo gosto do humor inteligente onde a crítica e o elogio às diferentes áreas da sociedade é feito não só com o intuito de nos divertir mas sobretudo de nos fazer pensar "fora da caixa".